Pronto Atendimento 24h

A Unidade de Pronto Atendimento tem como finalidade atender aos pacientes com quadro clínico de Emergência/Urgência atuando durante 24h por dia.

O Serviço de Neurologia disponibiliza 3 equipes especializadas na áreas de neurologia clínica e cirúrgica e neurorradiologia para casos específicos.

Também conta com um grupo de ortopedistas altamente qualificados. Protocolos para melhores práticas e agilidade assistencial são pontos fortes do Pronto Atendimento para casos de Politraumatizados, Dor Torácica, AVC e Sepse.

Centro de Trauma

Pronto AtendimentoOferecemos para Ribeirão e região o primeiro Centro de Trauma privado do interior do país, no atendimento de politraumatizados. O setor conta com um moderno departamento de emergência preparado para receber casos de alta complexidade com segurança e excelência, especialistas com experiência em pacientes politraumatizados e em emergência, avançados equipamentos de diagnóstico, atendimento por escala de gravidade e protocolos internacionais com medição de tempo de tratamento e com rigoroso acompanhamento em todas as etapas. O Centro de Trauma atende usuários de planos de saúde, que podem ir direto ao pronto atendimento, serem encaminhados pelo atendimento pré-hospitalar realizado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU – e pelo Corpo de Bombeiros, ou, ainda, transferidos de outros hospitais e prontos socorros. Tudo isto com o cuidado e segurança de um Hospital com Acreditação Internacional.

 Procedimentos

Com a implantação do protocolo de Acolhimento e Classificação por Riscos, método de classificação rápida e individualizada, a identificação dos pacientes que necessitam de tratamento imediato, de acordo com o potencial de risco, agravos à saúde ou grau de sofrimento, tornou-se mais dinâmica.

Cabe ressaltar que essa sistemática encontra-se respaldada pelo Ministério da Saúde (Portaria 2048 de 5/11/2002), que propõe tal classificação de risco no processo de recepção e acolhimento dos usuários.

Protocolos

Protocolos assistenciais e excelência no atendimento
Para manter o padrão de excelência, o Hospital São Lucas desenvolve Protocolos Assistenciais que garantem boas práticas médicas. Esses protocolos têm como objetivo revisar as diretrizes clínicas no tratamento de doenças mais comuns ou mais graves, além de adaptar essas normas à rotina diária de atendimento.
O Hospital São Lucas faz parte do grupo de melhores práticas assistenciais da ANAHP (Associação Nacional de Hospitais Privados).

 Atendimento de paciente com Dor Torácica

Esse Protocolo direcionado a pacientes com dor torácica foi implantado em nosso Serviço com o objetivo de sistematizar o atendimento e garantir que recebam o diagnóstico e o tratamento recomendados pelas diretrizes reduzindo os índices de morbimortalidade.
O infarto agudo do miocárdio (IAM), dentre os possíveis diagnósticos para dor torácica, é uma patologia com alta mortalidade. A cada minuto que o músculo cardíaco passa sem receber oxigênio, suas células entram em sofrimento e, se nada for feito para desobstruir a artéria e restabelecer o fluxo sanguíneo, o processo culmina com a necrose da área irrigada pela artéria coronariana em questão. Quanto mais precoce a realização deste procedimento, menor a área do músculo cardíaco lesada. Daí a famosa frase: "Tempo é Músculo!”.

 Atendimento de pacientes com suspeita de Acidente Vascular Cerebral

Atualmente, as doenças cerebrovasculares constituem uma das principais causas de morte no Brasil. O acidente vascular cerebral (AVC) é caracterizado por sintomas de disfunção no cérebro (localizada ou global), com duração maior de 24 horas. Dependendo do local atingido, podem ocorrer manifestações como paralisia dos músculos do rosto, dificuldade para movimentar os olhos, distúrbios na fala e na compreensão além de comprometimento da área motora.

Na chegada ao pronto-socorro, sempre que um paciente relata algum dos sintomas com início há menos de 4 horas, é encaminhado a um fluxo diferenciado, para otimizar tempos para a administração de trombolíticos com redução de complicações neurológicas. Daí a famosa frase: "Tempo é Cérebro!”

A rapidez no atendimento e tratamento do AVC são fatores críticos para o prognóstico seguro do paciente. Visando qualidade, eficiência e segurança, o Hospital São Lucas elaborou e implantou o protocolo de atendimento para pacientes com suspeita de AVC. 

Atendimento à Sepse

Sepse é uma doença sistêmica causada por uma reação inflamatória severa e exacerbada do organismo devido à presença de um micro-organismo (quadro infeccioso) em alguma área do corpo.

Na chegada ao pronto-socorro, sempre que um paciente apresenta um dos sintomas mais comuns (temperatura superior a 38ºC ou inferior a 35ºC, frequência cardíaca maior que 90 batimentos por minuto e frequência respiratória maior que 20 incursões por minutos) é encaminhado para um fluxo diferenciado, a fim de otimizar o tempo para a aplicação de antibióticos com redução de sequelas.

O pronto atendimento e o diagnóstico precoce da Sepse são fatores críticos para o prognóstico seguro do paciente. Visando qualidade, eficiência e segurança, o Hospital São Lucas elaborou e implantou um protocolo de atendimento para pacientes com suspeita ou diagnóstico confirmado de Sepse.

Dúvidas e Esclarecimentos

Entre em contato através de nosso formulário.

Rua. Bernardino de Campos, 1426
Tel: (16) 4009-0020