Certificações

Alcançar a excelência em segurança para o paciente e a qualidade na assistência médica oferecida são os principais objetivos das instituições de saúde.  E foram exatamente estes os critérios que concederam ao Hospital São Lucas, em setembro de 2012, o certificado de Hospital Acreditado com Excelência, Nível III, pela Organização Nacional de Acreditação (ONA).

De acordo com a diretoria da unidade, o título é resultado do esforço e do trabalho de toda a equipe pela saúde e segurança do paciente.

Único hospital da região a atingir esse nível de certificação de qualidade, o São Lucas colhe os frutos de metas traçadas já em 1998, quando iniciou o programa utilizando-se do Método 5S (Seiri, Seiton, Seiso, Seiketsu e Shitsuke) de Qualidade Total, que significa: autodisciplina, limpeza, ordenação, saúde e utilização.

Em 1999, foi instituído o Escritório da Qualidade, com a finalidade de organizar as ações junto aos diversos departamentos. O primeiro passo foi formar uma comissão para discutir os assuntos relacionados ao processo de Acreditação pela ONA, metodologia escolhida para implantação do modelo de Gestão da Qualidade. 

Os primeiros resultados chegaram em outubro de 2001, com a certificação como Hospital Acreditado (Nível I). Assim, o São Lucas se tornou o 7º hospital do Brasil e o primeiro do interior do país a receber a Certificação de Acreditação Hospitalar pela ONA. Na primeira etapa, a segurança foi a prioridade em todos os departamentos do hospital. 

Em 2006, veio a Acreditação Plena (Nível II) e em 2012, ficou comprovada a Excelência em Gestão (Nível III), status máximo da certificação brasileira, colocando o São Lucas na vanguarda da saúde na região.

Não se trata apenas da melhoria das instalações e dos equipamentos, mas sim do desenvolvimento dos processos do hospital, da qualificação dos colaboradores, da gestão adequada de riscos institucionais, da segurança do paciente e da gestão dos resultados assistenciais. 

ONA I Segurança: o São Lucas foi o primeiro hospital do interior do país a receber, em 2001, a certificação que avalia quesitos referentes à qualidade e à administração dos serviços prestados em saúde, como segurança do paciente, dos funcionários dos serviços terceirizados, além da estrutura física e organizacional. 

ONA II Gestão Integrada: resultado do trabalho sistemático e contínuo junto a comissões internas e à equipe de funcionários, o Hospital São Lucas foi reconhecido, em 2006, pela realização de ações de gestão integrada, comprovando seguir altos padrões de qualidade e rígidos princípios éticos.

 

ONAIII Excelência em Gestão: resultado da responsabilidade e do comprometimento com a segurança, a ética profissional, os procedimentos e a qualidade do atendimento prestado, o São Lucas foi certificado, em 2012, pelo compromisso marcado pela responsabilidade social e por seu papel como prestador de serviços de saúde, preocupado com a satisfação, a segurança e o respeito aos clientes.

Pontos positivos da Acreditação:

  • Alto grau de satisfação dos pacientes;
  • Desenvolvimento profissional dos colaboradores;
  • Constante aprimoramento do corpo clínico;
  • Diferenciação na remuneração dos serviços;
  • Melhoria da qualidade dos serviços;
  • Maior confiança da comunidade, dos clientes, dos médicos e dos funcionários;
  • Excelência na prática de serviços de saúde;
  • Reconhecimento e orgulho de todos que participam do processo.